Évora em Nós

quinta-feira, setembro 07, 2006

Casamentos, os três ursinhos e.. o jantar.

Olá a todos!

De facto, após o casamento do hugo não têm existido muitos posts. O casamento foi um sucesso. Foi fantástico. Correu tudo muito bem. No entanto, ficou uma grande dúvida a pairar sobre ele: existe ou não a história infantil dos três ursinhos. Eu e o Pedro fomos os mais acérrimos defensores desta história, e apesar da nossa versão ter alguns erros, ela existe.
Como tal decidi transcrever para este blog a história (peço desculpa por ser uma versão brasileira):

Era uma vez, uma família de ursinhos; o Papai Urso, a Mamãe Urso e o Bebê Urso.
Eles moravam numa linda casinha, no meio da floresta.
O Papai Urso era o maior de todos e tinha uma voz muito grossa. A Mamãe Urso era um pouco menor e tinha uma vozinha meiga. O Bebê urso era o menorzinho e sua voz era fininha.
Um dia, pela manhã, quando se levantaram, iam tomar mingau, mas a Mamãe Ursa disse:
- Este mingau está muito quente para ser tomado agora. Vamos dar uma voltinha na floresta esquanto ele esfria, e na volta a gente toma.
Deixaram o mingau nas suas tigelinhas e sairam.
Enquanto eles estavam fora, apareceu uma menina chamada Cachinhos Dourados, que morava do outro lado da floresta e tinha o mau costume de fugir de casa.
Quando viu a casinha dos ursinhos, achou-a muito bonitinha. Aproximou-se e bateu à porta.
Como ninguém respondeu, ela então meteu a mão na porta e entrou.
Assim que entrou, logo à sua frente, na mesa da cozinha, ela avistou as tigelinhas de mingau.
Olhou em volta e então disse:
- Ôba, acho que alguém estava me esperando. Esse mingau parece delicioso.
Provou o mingau da tigela maior, mas achou-o muito quente.
Provou o da tigela do meio e achou-o muito frio.
Então provou o da tigelinha menor e achou-o ótimo.
Por isto, comeu todo mingau que havia nela.
Depois, passou à sala, onde encontrou três cadeiras: uma grande e achou-a muito dura.
Sentou-se na cadeira do meio e achou-a macia demais.
Sentou-se na cadeirinha menor e achou-a muito confortável.
Mas, sentou-se com tamanha falta de modos que a quebrou em pedaços.
Depois, Cachinhos Dourados foi ao quarto dos ursinhos. Lá dentro havia três camas: uma grande, uma menor e uma menorzinha ainda. Deitou-se na cama maior e achou-o muito dura. Deitou-se na do meio e achou-a macia demais. Deitou-se na pequenininha e achou-a muito boa.
Ali ficou quietinha e acabou pegando no sono.
Enquanto ela dormia, os ursinhos voltaram do passeio. Foram logo à cozinha para tomar o mingau e, com surprêsa, notaram que alguém tinha estado ali. Papai Urso perguntou com sua voz grossa:
- Quem mexeu no meu mingau?
Mamãe Ursa perguntou com sua voz meiga:
- Quem provou o meu mingau?
Bebê Urso, com sua voz fininha, chorando, perguntou:
- Quem comeu o meu mingau?
Os três ursinhos foram à sala. Papai Urso olhou para sua cadeira e exclamou:
- Alguém sentou na minha cadeira!
Mamãe Ursa, com sua voz meiga reclamou:
- Alguém também sentou na minha cadeira!
Bebê Urso, chorando, queixou-se:
- Alguém quebrou a minha cadeirinha!
Foram andando para o quarto. Papai Urso olhou para sua cama e perguntou:
- Quem esteve deitado na minha cama?
Mamãe Ursa olhou para sua cama e disse:
- Alguém esteve deitado na minha cama!
Bebê Urso, com sua voz fininha, gritou:
- Alguém está deitado na minha caminha!
Cachinhos Dourados acordou com o grito de Bebê Urso.
Ficou assustadíssima quando viu os três ursinhos no quarto.
Saltou da cama, correu pelo quarto, pulou a janela e continou correndo pela floresta, tão depressa quanto suas pernas podiam.
E, daí por diante, nunca mais ela fugiu de casa.

Bem, agora que não restam dúvidas, devo dizer que não me posso voluntariar para organizar o tal jantar, pois não poderei estar presente.

Beijinhos e abraços.

1 Comments:

  • Caro Dr. tal como havia referido no casório...nunca ouvi falar de tal história... não será mais uma alucinção conjunta?
    Beijus

    By Blogger cassi, at 7/9/06  

Enviar um comentário

<< Home